O pagamento

Dois corpos nus repousam após gozarem em perfeita sincronia. Ele, acaricia os cabelos dela com delicadeza. Ela, em silêncio, repousando sua cabeça sobre o seu peito.

Algumas risadas sobre histórias e estórias de suas infâncias preenchem o ambiente com uma harmonia cristalina. Ele, como sempre, motiva ela a continuar buscando as suas metas de vida. Ela escuta-o. Ele vislumbra o brilho em seus olhos. Ela diz: – nossa, não tenho como pagar por tudo que você já fez por mim. Ele responde: – a sua felicidade é o meu pagamento. Ela segura uma lágrima que quis rolar por seu escultural rosto. Ele, fala baixinho ao seu ouvido: – mais alguns beijos pagam algumas parcelas. Ela ri, segura sua nuca e sussura: quantas parcelas você deseja que eu pague? Ele diz: – quantas você quiser. E os lábios colaram-se nervosamente.

Como sempre diz minha sábia mãe: faça as coisas porque elas te deixam feliz, não almeje nada em troca, além da felicidade que os seus atos vão proporcionar para as pessoas que você gosta. É tão bom ouvir que você nalgum momento da vida foi importante para quem você estima, o ego é massageado, a autoestima se renova, você estufa o peito e adquire mais coragem para crescer na sua vida. Ganhei a semana com uma simples e sincera frase.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O pagamento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s