À musa

Para você minha eterna musa inspiradora.
Você acredita em destino?
Eu não acreditava muito no destino, mas depois que te conheci passei a acreditar que todos nós temos um destino nesta vida. O destino nos prega peças que nem o mais sábio dos homens pode explicar. Uma destas peças ele fez comigo, te conhecer e poder conviver poucas horas que passam na velocidade da luz ao teu lado. Você pode achar isto tudo besteira de quem não tem o que fazer, mas uma coisa que estou aprendendo é de que devemos fazer o impossível para fazermos felizes as pessoas especiais para nós.

Nem mesmo se eu conseguisse lhe dar todas as estrelas do universo poderia expressar o quão maravilhosa e especial você é para mim. Uma pessoa que não expressa seus sentimentos é uma pessoa vazia, portanto devemos expressar nossos sentimentos de uma maneira ou de outra para as pessoas especiais para nós.
Sempre peço a Deus que me de coragem para expressar meus sentimentos. Mesmo que estes sentimentos não sejam correspondidos devemos demonstrá-los as pessoas especiais, para quando chegarmos à velhice possamos dizer realmente que a vida valeu a pena.

Sei que é difícil hoje em dia sermos todos os dias otimistas com o futuro, pois são inúmeros problemas que nos afetam diariamente. Mas saiba que você possui uma pessoa que você pode contar em todos os teus momentos felizes e tristes.

Como eu já disse, você com seu otimismo fez com que eu mudasse meu modo de pensar. Antes eu era uma pessoa que não acreditava na minha capacidade de vencer, agora estou cada vez mais confiante que Deus não nos colocou neste barco chamado vida apenas para sermos passageiros, mas sim para sermos o comandante desta viagem e decidirmos qual rota prosseguir. Quando esta viagem terminar (ou começar) possamos dizer o quanto valeu a pena ter navegado com pessoas tão especiais que com certeza farão outras viagens conosco.

Os anos passam muito rápidos e se nós não demonstramos nossos sentimentos pelas pessoas especiais para nós jamais nos perdoaremos de ficarmos calados e seremos pessoas infelizes.Mesmo que este destino me prive de seu convívio, jamais vou te esquecer e saiba que quando você estiver sozinha e triste por qualquer motivo lembre-se que sempre estarei em teus pensamentos para lhe dizer que você é uma pessoa vencedora. Como eu já disse, não sei explicar como você encontra uma pessoa na vida e você sabe por mais absurdo que possa parecer que esta pessoa tem um brilho interior.

Conhecemos diversas pessoas em nossas vidas, mas têm aquelas que basta apenas um olhar para descobrirmos que não são apenas pessoas que vimos algum dia desses em nossa vida, mas que convivendo com estas pessoas possamos dizer “como Deus foi bom comigo por me permitir conhecer esta pessoa”.

Pai

Exemplo de força e honra.

Exemplo de honestidade e responsabilidade.

Exemplo de hombridade.

Exemplo de persistência.

Ainda recordo-me quando eu ficava na janela de nossa simples e humilde casa de madeira olhando para a rua esperando você chegar

Benção meu pai. Você suado, com as roupas sujas da árdua semana de trabalho braçal, mas sempre com tua alegria peculiar, com o sorriso nos lábios.

Recordo-me dos chimarrões nas manhãs de domingo. As conversas, as lições de vida. És meu maior exemplo de uma pessoa trabalhadora. Tuas calejadas e fortes mãos, tua força, tua alegria contagiante.

Enfim, pai, te amo, sempre te ajudarei e lembrarei de você!!! Parabéns meu pai.

Definição: AMOR

Ah o amor!!! Tão citado em poemas, novelas, livros, músicas. Subjetivamente cada ser humano tem uma definição para tão nobre sentimento. O amor está presente em diversas formas: amor de homem e mulher, de irmãos, de pai/mãe para filhos, de amigos.

Muitas pessoas afirmam categoricamente que o amor é um sentimento que você tem ou não tem por uma pessoa sendo que se a outra pessoa não te ama é impossível fazê-la despertar o amor por você. Particularmente discordo desta afirmativa. O amor na verdadeira acepção da palavra não precisa de correspondência, ele por si só existe em nosso coração. Veja é diferente do amor platônico, pois o amor platônico machuca, fere e nutre a solidão. O verdadeiro amor só traz felicidade sendo aquele sentimento que faz com que cometamos “sacrifícios” pela pessoa amada e estes “sacrifícios” trazem felicidade à nossa vida.

Fazendo uma analogia, considero o amor como uma semente: só porque a semente plantada não vingou o semeador não vai deixar de plantá-la. Como uma semente o amor precisa de cuidados diários: precisa ser regado, precisa limpar as ervas daninhas do seu redor. Lentamente vai crescendo, ficando forte e maduro para ser saboreado no momento certo.

Resumo o amor em fazer pela outra pessoa aquilo que te deixa feliz não se importando com o que as outras pessoas possam vir a comentar. Fora da minha família verdadeiramente amo somente uma mulher (mi passione) por ela sou capaz de fazer qualquer sacrifício. Enquanto eu tiver forças vou ajudá-la, pois ver o seu sorriso e partilhar um pouco de sua companhia me deixa eternamente feliz. Pode parecer utopia, mas eu acredito e apenas quem já viveu um grande amor sabe o que eu estou dizendo.

Somente o tempo é capaz de solidificar o amor, de fazer florescer este sentimento no coração da pessoa amada.

Ame, cometa loucuras saudáveis por um amor, pois ao final de sua vida você pode dizer com orgulho que viveu e amou, pois:

O amor é a centelha divina que aquece o nosso coração nas gélidas noites.